Femmes, Women, Mulheres

Posted by recunha julho 03, 2010 0 comments

A ONU Organização das Nações Unidas acaba de criar (02/07/2010), em Nova Iorque (EUA), uma nova entidade a ONU WOMEN (ONU DAS MULHERES), com o objetivo de promover a igualde de gênero e fortalecer o papel feminino na sociedade. O resultado é histórico, e unânime, depois de anos de negociações entre os Estados membros da ONU. Durante o discurso o secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon afirmou que estava "agradecido aos Estados-Membros pelo grande passo em prol das mulheres, pois a ONU WOMEN aumentará significativamente os esforços da ONU para promoção da igualdade de gênero, expansão das oportunidades para as mulheres e vai ajudar no combate à discriminação em todo o mundo."

Calcula-se que o novo organismo deverá contar com um apoio financeiro inicial de cerca de 500 milhões de dólares e está previsto para começar a funcionar a partir de janeiro de 2011. A ONU das Mulheres terá duas funções principais:
1º) apoiar os organismos inter-governamentais tais como a Comissão sobre o Status da Mulher para a formulação de políticas, padrões e normas globais, e 
2º) ajudar os Estados-Membros a implementar tais normas, através de apoio técnico e financeiro adequado aos países que o solicitarem, bem como providenciar o estabelecimento de parcerias eficazes com a sociedade civil.

Mas, durante a reunião houve um certo impasse quanto à sigla do novo organismo, conforme afirma notícia veiculada edição online do New York Times. A sigla seria UNEGEEW, que representa a abreviação de United Nations Entity for Gender Equality and the Empowerment of Women*. Assim, decidiram aprovar ONU WOMEN, mas muita gente não gostou dizendo que parecia nome de "clube social das luluzinhas", ao invés de uma organização destinada a liderar a transformação de muitas mulheres de todo o mundo. Alguns diplomatas chegaram a sugerir "Gender Entity" (Entidade do Gênero), mas também não houve consenso, provocando inclusive risos.

Foi aí que o embaixador francês na ONU, Gérard Araud, (que fala um inglês melífluo), argumentou que, já que o francês é uma das línguas da ONU, o ideal seria ONU FEMMES. Assim, a observação foi incluída como nota de rodapé na tradução oficial, e muitos já pressionam para que o nome ONU FEMMES também seja utilizado na versão em inglês. "Femmes ONU, soa muito melhor do que 'unwomen', salientou Stéphane Crouzat, porta-voz da Missão Francesa.

A diretoria da ONU das Mulheres também deverá gerar disputas, já que terá 'status' de subsecretário-geral. Acredita-se que até setembro, o cargo esteja preenchido e a mais cotada até agora, é a ex-presidente do Chile, Michelle Bachelet.

* Nações Unidas Entidade para Igualdade de Gênero e Empoderamento da Mulher

A Revista Logos acaba de lançar sua edição online a nº. 1 de 2010, com o tema Comunicação e Audiovisual. A Logos é a revista científica do Programa de Pós-Graduação em Comunicação da UERJ. Seu objetivo editorial é oferecer uma oportunidade especial de reflexão sobre a complexidade da comunicação contemporânea e fenômenos de mídia, com base em uma ampla gama de perspectivas disciplinares e de investigação teórica e empírica.




Na apresentação desta edição, Erick Felinto nos diz:

Mais do que nunca, pensar em comunicação significa pensar em imagens.  Já se repetiu exaustivamente que vivemos em uma cultura imagética, marcada pela crescente proliferação de telas e tecnologias de produção audiovisual.  E se passamos de regimes analógicos para digitais, isso só fez aumentar a vitalidade da imagem e multiplicar suas potencialidades.  Nesse sentido, o presente número de Logos nos oferece uma amostragem da riqueza que também podemos encontrar hoje no campo das pesquisas sobre o audiovisual.    O crescimento da pós-graduação em comunicação no Brasil parece apontar para um futuro promissor em termos de exploração das artes e formas de comunicação audiovisuais. Para ler mais clique aqui...

Artigos

Cinema Documentário e Espectador em Cena PDF
Andréa França 05-16
Imagens do cotidiano ou o real construído? O jogo do real e do ficcional na narrativa fotográfica de Jeff Wall PDF
Angie Biondi 17-28
Consumo cinéfilo e cultura contemporânea: um panorama PDF
Rodrigo Almeida Ferreira 29-42
Entre arquiteturas e imagens em movimento: cinemas, corporeidades e espectação cinematográfica na Tijuca PDF
Talitha Ferraz 43-55
Imagens e representações da ditadura portuguesa na televisão (1957-1974) PDF
Francisco Rui Cádima 56-69
O Diretor/Personagem nos documentários subjetivos sobre a ditatura argentina PDF (Espanhol)
María Celina Ibazeta 70-80
Cinema: entre o texto e o dispositivo PDF
Felipe Muanis 81-93
Pode o cinema contemporâneo representar o ambiente sonoro em que vivemos? PDF
Fernando Morais da Costa

Já está disponível para leitura online o volume 13 da revista E-Compós, uma publicação científica da Associação Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação (Compós). Lançada em 2004, a revista tem como principal finalidade difundir a produção acadêmica de pesquisadores da área de comunicação, inseridos em instituições do Brasil e do exterior.
 
Editorial PDF
Temas Livres
A centralidade da experiência na constituição das representações: contribuições interdisciplinares para o campo da comunicação Resumo PDF
Paula Guimarães Simões
Poéticas políticas, políticas poéticas: comunicação e sociabilidade nos coletivos artísticos brasileiros Resumo PDF
Fernando do Nascimento Gonçalves
O Gorillaz é uma banda "de mentira"? Uma discussão sobre o papel das bandas virtuais na música massiva Resumo PDF
Ariane Diniz Holzbach
Who’s bad: as representações de Michael Jackson na revista Veja Resumo PDF
Renné Oliveira França
O corpo como cogito: um cinema contemporâneo à luz de Merleau-Ponty Resumo PDF
Julio Bezerra
O que pode um corpo? Instalações interativas e experiências possíveis no cenário contemporâneo. Resumo PDF
Fernanda de Oliveira Gomes
O hiper-realismo sensorial de 300 Resumo PDF
Bruno Costa
Neuroimaging & subjectivity: constructing identities in the 21st century Resumo PDF
Simone do Vale
Redes sociais em jogos online: a dinâmica da interação social no World of Warcraft Resumo PDF
Telma Johnson, Antônio Augusto Braighi, Roberta Almeida, Ana Amélia Hamdan, Diego Miranda
Condenados pela primeira página: problematizando as relações entre jornalismo, ética e verdade Resumo PDF
Rafael Fortes
La publicidad interactiva en España: situación actual y tendencias Resumo PDF
Antonio Baladrón Pazos, Clara Muela Molina
Relações entre imagens e sons no filme “Cinema, Aspirinas e Urubus” Resumo PDF
Rodrigo Carreiro
Discurso e(m) folkosonomia: o Brasil vestido com algumas tags Resumo PDF
Vivian Lemes Moreira, Lucília Maria Sousa Romão
A mitologia na representação cultural da cachaça: imagem negativa e tentativa de ressignificação Resumo PDF
Daniella Ramos Silva, Sérgio Carvalho Benício de Mello
 

Laboratorio Gran Via

Posted by recunha julho 02, 2010 0 comments

Começa hoje, 2/7/2010 o Grande Laboratório da Gran Via (Laboratorio Gran Via) em Madri, Espanha. Uma reflexão coletiva sobre o passado, o presente e o futuro desta avenida que nos últimos cem anos marcaram a vida da capital madrilhena.

A própria construção da avenida foi um marco da modernidade urbanística há 100 anos, por isto a Fundação Telefônica aposta no futuro, com esta exposição imaginativa, visionária e em certo sentido utópica.

A exposição apresenta trabalhos de grupos de arquitetos que compartilham ações comuns, como a capacidade de provocação e a influência que exercem sobre as próximas gerações, já que todos são professores de arquitetura.

O curador da mostra é o arquiteto Iñaki Ábalos. São nove propostas e dois estudos analíticos:

Teatro de Izaskun Chinchilla Arquitectos,
Media de Manuel Ocaña,
Zona Franca de AceboXAlonso,
Sweet Home de Andrés Jaque Arquitectos,
Procomún de Ecosistema Urbano,
Interfaz de Carlos Arroyo,
Capital de S&Aa,
Observatorio de Abalos+Sentkjewicz Arquitectos.
Toxic de AMID.cero9.
Atmosférica de Gálvez+Wieczorec Arquitectura y por último
Ráfagas de José Miguel Iribas.

Falando sobre a exposição Iñaki Ábalos declarou: El "Laboratorio Gran Vía es sobre todo una invitación a pensar colectivamente la ciudad con imaginación, entusiasmo y esperanza, con la certidumbre de que sólo una acción audaz dará forma simbólica al centro vital de una ciudad audaz".

Informações:
Data: 2/7/2010 a 3/10/2010
Local: Sala de Exposiciones, Fundación Telefónica. Gran Vía 28. 3ª planta. 28013 Madrid
Número de obras: 9 propostas e 2 estudos analíticos
Comisario: Iñaki Ábalos

Fonte ElGeek.Info @Creative Commons


 Reverberações 2010 - 4º edição do Festival Bienal de Cultura Colaborativa - reverberacoes.com.br

> de 07 a 10 de julho
Com o foco em arte, ativismo e processos coletivos de trabalho e criação, o festival deste ano conta com representantes da Espanha, Canadá, França e Vietnã. A intensa programação reúne mostra de filmes, exposição do Acervo CORO (www.corocoletivo.org ), debates, laboratório de práticas artísticas, mapeamentos, performances e intervenções urbanas/multimídia.

Onde: MATILHA CULTURAL: R. Rego Freitas 542 - Centro - SP // aberto das 12h as 21h


 DEBATES
QUA. 08 de julho
> 20H - ARTE, REDES E ESTRATÉGIAS DE GESTÃO CULTURAL
_ palestrantes convidados:
 Ana Tome, atual Diretora do Centro Cultural da Espanha em São Paulo/AECID
 Bastien Gilbert, gestor idealizador da RCAAQ (Regroupement des centres d’artistes autogérés du Québec)



QUI. 09 de julho
> 20H - DESIGN CULTURAL INTERNACIONAL
_ palestrantes convidados: Equipe Gestora do METROPOLE
mediada por: Abigail Nunes
METROPOLE = intercambio multicultural entre Vietnam (Asia) + Paris (Europa) + Rio de Janeiro (Brasil)

Frente 3 de Fevereiro, coletivo responsável pelo documentario + intervenções + publicação “Zumbi Somos Nós – cartografia do racismo para o jovem urbano” que aborda questões raciais, desenvolvido no Brasil + Europa + Africa
.
 MAPA - RUPTURA E TRANSFORMAÇÃO

QUA.07 - 19h // SEX.09 - 14h
> Construção de um mapa que represente as transformações na sociedade e na arte/ativismo desde a queda do muro de Berlin.
Focalizados por André Mesquita e Flávia Vivácqua, conta com participação do público inscrito e convidados como: Chico Linares,Claudia Washington, Gavin Adams, Henrique Parra, Jose Roberto Shwafaty e Lúcio de Araujo.


 CELEBRAÇÃO DE ENCERRAMENTO

SAB.10 de julho - 20h
// Serralheria
> Música, DJs, Vídeo Performances e etcetera; participação especial do pessoal do Barulho e do Dada Rádio.
_ R. Guaicurus 875 - Lapa . SP
_ Entrada R$ 5,00 + Bar _ Evento aberto


 MOSTRA NO CINEMA
.

QUA. 07 de julho
.
> 13h - FILMES HISTÓRICOS E DOCUMENTAIS
Cildo Meireles // dir: Wilson Coutinho
Xeroperformance // dir: Paulo Bruscky
Art Show // dir: Sergio Moura, Vanessa Santas e Goto
Memoria de um Rio // dir: Vera Chaves Barcellos
> 19h - Kinemas Fluxuz // dir: Pedro Paulo Rocha
QUI. 08 de julho
> 13h - Politica do Dissesso
- compilação de videos documentarios sobre o movimento por habitação no Centro de São Paulo. organizado por Nova Pasta.
> 19h - FILMES HISTÓRIOCS E DOCUMENTAIS
(reprise do programa do dia 07)
SEX. 09 de julho
> 13h -
Comunidade, Ativismo e a Cena Downtown um documentario independente da cena experimental de Nova York // dir: Cristiane Bouger (NY)
> 19h - Zumbi Somos Nós – cartografia do racismo para o jovem urbano // dir: coletivo Frente 3 de Fev.

SAB. 10 de julho.> 14h - Zumbi Somos Nós – cartografia do racismo para o jovem urbano // dir: coletivo Frente 3 de Fev.
> 15h - ASSISTA A COPA NA MATILHA
> 19h - MAU-WAL Encontros Traduzidos.
prod: Assoc. Vídeo Brasil // dir: Fabiana Wernwck e Marco Del Fiol.
.

> GRADE DE PROGRAMAÇÃO - MatilhaCultural.com.br // R. Rego Freitas 542 - Centro - SP
dia/hora QUA.07 QUI.08 SEX.09 SAB.10
~10h         Inetrv.
12h        
13h Cine Cine Cine  
14h Lab. Lab. Mapa Lab. Cine
15h Copa
16h
17h  
18h        
19h Cine Cine Cine Cine
20h Mapa Palestra Palestra Encerramento
(Serralheria)

Guaicurus 875
21h
22h      
~24h      
.



Quando você escuta a palavra Petrobras logo pensa em petróleo, pre-sal, energia, etc. Mas, a partir de agora pode ampliar esse leque de opções, Petrobras também é sinônimo de música, através do projeto Compacto, que promove encontros de artistas de diversos pontos do país. 

Os videocasts (programas de curta duração com no máximo dez minutos) são exibidos online às quartas, no site COMPACTO, dentro do Portal Petrobras. 

O programa desta semana traz um encontro de Siba (ex-Mestre Ambrósio) e Fernando Catatau, lembrando histórias e dividindo suas experiências com as bandas Fuloresta e Cidadão Instigado. "Eu acho a gente muito parecido", comenta Catatau. "Uma coisa de buscar o próprio caminho, sem se preocupar com o que seria mais óbvio", concorda Siba. A música é "Alados", de Siba, Dengue e Lúcio Maia. Do disco "Toda Vez Que Eu Dou Um Passo O Mundo Sai do Lugar", de Siba e a Fuloresta.

Numa tentativa saudosista de assimilar o nome Compacto da era dos discos de vinil, com o formato compacto do videocast, o programa apresenta duas músicas, uma do lado A, e outro do lado B. 

O projeto traz em sua primeira edição 13 programas sobre música (cada um com dois blocos de 5 minutos, com dois artistas, conversando e tocando) e planeja realizar uma série de encontro com artistas que estão fazendo a nova música popular brasileira. Na sequência podem vir programas sobre trilhas de cinema, cultura digital e outros setores da cultura apoiados pela Petrobras.


Dilema Digital

Posted by recunha junho 30, 2010 0 comments

A Cinemateca Brasileira está disponibilizando para download, sem custos, em arquivo PDF, a edição brasileira de O Dilema Digital - Questões estratégicas na guarda e no acesso a materiais cinematográficos digitais.

Para baixar o arquivo é só clicar no link da Cinemateca fazer o registro. A Cinemateca também disponibiliza newsletter com informações sobre a programação da Cinemateca e outros assuntos relacionados à preservação e à difusão cinematográfica.

O Dilema Digital pode também ser adquirido impresso na bilheteria das salas de exibição da Cinemateca Brasileira, por R$ 30,00.

Google X China

Posted by recunha junho 29, 2010 0 comments


Nesta quarta, 30 de junho de 2010, as autoridades chinesas decidem se renovam ou não a licença (ICP, sigla em inglês) do Google como Provedor de Conteúdos de Internet.

O diretor jurídico do Google, David Drumond informou que o governo chinês não aceita que o Google utilize seu portal para redirecionar os internautas através de Hong Kong (que apesar de ser território chinês, pratica a liberdade civil no estilo ocidental, sem filtrar o conteúdo da Internet). "Sem a licença ICP, não será possível fazer a conexão/redirecionada, e assim o google.cn deixará de existir", explicou. Os usuários vão ter que fazer um click na página para serem redirecionados para outro site, ao invés de ocorrer o redirecionamento comercial sem censura, automaticamente. Há três meses (em 22/03/2010) o Google encerrou seu serviço de busca na China (por causa da censura ostensiva do governo chinês), e começou a redirecionar os internautas para um buscador de Hong Kong, que não filtrava os conteúdos, fato que gerou inúmeras críticas de Pequim, e por conseguinte, colocou um impasse na permanência futura da empresa naquele país, onde os números apontam para cerca de 380 milhões de internautas.

O governo chinês declarou (08/06/2010) que a Internet tem exercido um papel importante na aceleração do desenvolvimento da economia chinesa, mas é preciso manter um nó apertado no conteúdo online para evitar qualquer tipo de material subversivo. Existe um bloqueio de acesso a sites como Facebook, YouTube e Twitter a partir da China, como meio de prevenir que dissidentes e ativistas de direitos humanos e pró-Tibet utilizem essas redes para espalhar críticas contra Pequim.

O maior concorrente do Google na China, é o BAIDU, mas que também já avisou em janeiro deste ano que pode abandonar o gigante asiático por causa da censura, depois de sofrer um sofisticado ataque pirata, que segundo a empresa, teria partido de dentro da própria China.

A companhia americana já começou uma campanha (ainda incipiente) para transferir seus usuários do google.cn para o google.com.hk. A nova página do GOOGLE mostra uma imagem de seu logotipo e um espaço de buscas inativo, onde abaixo se lê: "Mudamos para google.com.hk" e "Por favor, salvem nossa página na web" (veja ilustração no topo da página).

Ilustrações e texto by ReCunha


Vol. 3, No 2 (2010): PERSPECTIVAS AUTORAIS NOS ESTUDOS DE COMUNICAÇÃO VI

Sobre a Revista

MATRIZes é um periódico destinado à publicação da produção científica cujo objeto de estudo é a comunicação. Acolhe trabalhos teóricos, experiências de análise e formulações conceituais sobre processos comunicativos, meios, mediações e emergências das interações na sociedade contemporânea de informação generalizada. Trata-se de um periódico aberto às reflexões sobre as transformações históricas das mediações na cultura; sobre as produções de linguagens e suas interfaces; sobre as implicações sócio-políticas das atividades implementadas, bem como de suas conseqüências cognitivas. Para isso, preserva o horizonte inter e transdisciplinar dos aportes teóricos e metodológicos do pensamento comunicacional. Espera-se, por conseguinte, redimensionar conhecimentos e tradições históricas que contribuem para definir, mapear e explorar conceitualmente os eventos comunicativos, reavivando, os compromissos que são, igualmente, parte da história do PPGCOM-ECA-USP. No limite, evidencia-se a necessidade de criar espaço de construção de uma teoria crítica e conseqüente das práticas de estudo da comunicação. 
ISSN: 1982-8160
Editorial Português ENGLISH

Dossiê

Classificações Mediadas: Representações de classe e cultura na televisão britânica contemporânea Mediated class-ifications: Representations of class and culture in contemporary British television Português
David Morley
Avatar: Entre utopia e heterotopia Avatar: Between utopia and heterotopia Português ENGLISH
Mayra Rodrigues Gomes
Parceiros não comunicativos: análise da mídia dos movimentos sociais e os educadores radicaisUncommunicative partners: social movement media analysis and radical educators PortuguêsENGLISH
John D.H. Downing
Convocação nas revistas e construção do "a mais" nos dispositivos midiáticosConvocation in magazines and the construction of "the plus" in the media gadgets PortuguêsENGLISH
José Luiz Aidar Prado
As novas narrativas da ficção televisiva e a InternetLas nuevas narrativas de la ficción televisiva e Internet Português Spanish
Charo Lacalle
House M.D.: o monitoramento da vida, do crime e da doença na era da sua visualidade técnica.House M.D.: the monitoring of life, crime and disease in the age of its technical visuality PortuguêsENGLISH
Ivana Bentes

Entrevista

Educação mediática ressalta o potencial de expressão dialógica das tecnologiasMedia education emphasizes the potential of dialogical expression of technologies Português
Adilson Citelli, Roseli Figaro

Media Literacy

Revista Crás!: Quadrinhos Brasileiros e Indústria EditorialComic-book Crás!: Brazilian Comics and Publishing Industry PortuguêsENGLISH
Waldomiro Vergueiro, Roberto Elísio dos Santos
Diálogos: o Twitter e o peripatéticoDialogs: the Twitter and the peripathetics Português ENGLISH
Jerusa Pires Ferreira, Magaly Prado

Em Pauta

Etnografia de arquivos - entre o passado e o presenteEtnography of archives - between past and present Português ENGLISH
Maria Cristina Castilho Costa
Monocultura informática, permacultura e a construção de uma sociabilidade contra-hegemônicaInformatics monoculture, permaculture and construction of a counterhegemonic sociability PortuguêsENGLISH
Edilson Cazeloto
Literatura e Cinema: elo e confrontoLiterature and cinema: link and confrontation Português ENGLISH
Linda Catarina Gualda
As contribuições do pragmatismo de William James e da fenomenologia social de Alfred Schütz à ComunicaçãoLos aportes del pragmatismo de William James y la fenomenología social de Alfred Schütz à la comunicación PortuguêsSpanish
Marta Rizo García

Resenhas

Com as máquinas, rumo ao diálogoWith the machines, towards the dialogue Português ENGLISH
Fernando Resende
Transmissão, Comunhão, Comunicação. Resenha do livro Communication as culture: essays on media and society, de James CareyTransmission, communion, communication. James Carey - Communication as culture: Essays on media and society PortuguêsENGLISH
Marco Toledo Bastos

Teses e Dissertações

Teses e Dissertações do 2º semestre de 2009 Português
PPGCOM - USP

    Arquivo

    Cultmidiáticos